Scanner portátil para trabalho remoto: quais as vantagens?

vantagens scanner portatil trabalho remoto

O scanner portátil é um item estratégico para quem está trabalhando em Home Office. Neste artigo vamos mostrar quais são as suas vantagens.

Por que investir em um scanner portátil? 

O trabalho remoto é a nova realidade de grande parte dos profissionais, no Brasil e no mundo. 

Neste período de transição, seja numa condição temporária ou permanente de trabalho remoto, é sempre bom buscar recursos e técnicas que facilitem essa adaptação ao ambiente e evitem uma queda de desempenho. 

Portanto, se você lida com a digitalização de documentos e não quer perder a produtividade e qualidade do seu trabalho durante o home office, o scanner portátil é um dos itens que devem entrar para a sua lista. 

Quais as vantagens de um scanner portátil para o trabalho remoto? 

Cabe em qualquer canto 

Nem todo mundo tem um cômodo inteiro a disposição para fazer de escritório durante o trabalho remoto. 

Às vezes o espaço disponível é pequeno como, por exemplo, uma mesa ou prateleira em algum canto da casa. 

Neste cenário, seria inconcebível a utilização de um equipamento de digitalização mais robusto.

O scanner portátil é uma boa opção em um caso como esse, pois ele é bem compacto e se adequa facilmente sem ocupar muito espaço. 

É fácil de transportar 

Como citamos acima, o scanner portátil é compacto e ele também é mais leve que os scanners convencionais. Com isso, pode ser facilmente transportado. 

Seja para um outro cômodo da casa, seja para uma viagem a trabalho, ou até mesmo para um escritório físico quando a pandemia acabar, você pode facilmente levar seu scanner portátil com você. 

Pequeno no tamanho, gigante na eficiência

É importante ressaltar que estamos tratando aqui das vantagens do scanner portátil que também se enquadra na categoria de scanner profissional. 

Ou seja, além da vantagem de ser compacto e portátil, ele garante as funcionalidades e a eficiência que um equipamento para uso profissional requer. 

Então na hora de escolher seu scanner portátil lembre-se de avaliar as características e funcionalidades de acordo com as necessidades de uso para a sua rotina. 

Velocidade, formatos de saída, recursos de aprimoramento de imagem, são alguns dos principais pontos a serem considerados.

Qual scanner portátil comprar? 

Dois dos modelos de scanners portáteis mais populares do mercado são o scanner Kodak Alaris i940 e o scanner Fujitsu fi-800R. Confira a seguir algumas informações sobre eles. 

Scanner Kodak Alaris i940

scanner portátil kodak alaris i940

Mesmo sendo pequeno o scanner Kodak Alaris i940 não deixa a desejar na capacidade de produção. Digitaliza 20 folhas por minuto, e até 1.000 folhas por dia. 

É também uma ótima opção para equipes que trabalham com um sistema de digitalização distribuída. Ele atende com eficiência a rotina individual de digitalização e exporta diretamente para formatos que facilitam o envio e armazenamento no servidor central. 

Confira outras vantagens deste modelo clicando aqui.

Scanner Fujitsu fi800-R 

O Scanner Fujitsu fi-800R digitaliza 40 folhas por minuto e até 4.500 folhas por dia.

É uma solução perfeita para quem trabalha com documentos em PDF. Além de exportar diretamente para PDF, ele possui um software que realiza a quebra inteligente de arquivos em PDF por definição de tamanho. 

E uma outra vantagem é sua capacidade de digitalizar documentos variados, como cartões ou documentos pequenos e encadernados, como um Passaporte e uma Carteira de Trabalho, por exemplo.

Saiba mais sobre ele clicando aqui

Leve a eficiência com você

Aproveite essas dicas, adquira um scanner portátil de qualidade e ofereça o seu melhor desempenho profissional, onde quer que você esteja. 

Você também vai gostar de ler:

  1. Manoel Paulo Lopes Leite disse:

    Há 5 anos tenho o scanner como ferramenta de trabalho ágil e seguro. Além dos meus trabalhos profissionais tenho o acervo de centenas de fotos e documentos particulares digitalizados graças ao scanner da Kodak.
    Nas décadas de 70/80 microfilmei milhares de documentos. Isso permitiu que uma excelente sala até então abarrotada de doc.caixas fosse usada para finalidade mais útil à organização.